ESCLARECIMENTOS

Este material não fazia parte da realidade do meu momento atual, tornou-se aos poucos um grande sonho, que trouxe para minha vida esclarecimentos e elucidações. Por isso decidi compartilhar com outras pessoas a grande experiência que foi essa viagem a o mundo de Smallville.
Minha principal meta é apresentar um material para que os leitores tirem suas próprias idéias e deduções partindo do meu ponto de vista.
Deixo explicitamente transparente que não me julgo uma grande entendedora dos assuntos específicos de cada episódio. Mas, tenho um enorme encanto e constante interesse por esses temas. Me considero uma curiosa e uma amante insaciável de múltiplas áreas. Quero acrescentar também, que meu conhecimento e credenciais profissionais não abarcam essa gama profunda de assuntos. Para me tornar uma melhor conhecedora, apenas me deixei seduzir com o seriado Smallville e me dediquei a pesquisar cada vez mais um grande número de áreas do saber.
Para iniciar esta obra contei com a ajuda de várias pessoas que me motivaram a seguir em frente, com apoio e, sempre me preenchendo de energia, através do mais nobre dos relacionamentos: O de mestre e aluno.

domingo, 14 de setembro de 2008

QuartaTemporada - Episódio 17

· Episódio “Onyx” (4.17)
Lex comanda uma pesquisa de irradiação de sementes com Kriptonita aquecida. Ao testarem o experimento a atividade térmica excede os padrões de segurança, explodindo o laboratório. Lex é atingido pela radiação. Apesar de ainda estar abalado pelo golpe energético, encontra Dr. Sinclair muito machucado e o leva para o hospital. Do meio dos escombros surge um segundo Lex.
Lex1 ( o lado bom de Lex) dá toda assistência ao cientista. Clark ao saber do acidente vai visitar Lex1 que ao lhe explicar de suas pesquisas o convida a ver de perto o que estava testando. Chegando no laboratório Lex1 mostra sua nova descoberta de irrigar plantas com apenas algumas gotas d´água, dando a ela poder para crescer nas piores condições. Mas o fruto da planta ficou com paladar ruim e Dr. Sinclair tentou melhorar isso aumentando a temperatura sobre o meteoro. Algo saiu do controle e o nível de aquecimento foi ultrapassado. Lex1 pega as anotações do teste e leva para casa. Clark percebe que eles fabricaram a Kryptonita preta acidentalmente. ( a mesma Kryptonita que Martha usou para afastar o lado Kal-El de Clark quando ele voltou do exílio).
Lex2 (o lado mau de Lex) vai visitar o cientista no hospital, indagando-o se existe alguma maneira de reverter o processo de divisão molecular que o separou em dois. Dr. Sinclair diz que precisa olhar suas anotações para tentar unir novamente seus dois “eus”. Para evitar que isso ocorra Lex2 mata Dr. Sinclair, indo para o laboratório pegar a pesquisa. Chegando lá, ele percebe que Lex1 já está com os papeis em suas mãos, levando para mansão Luthor.
Lex1, seu lado bom, livre de toda malignidade se sente mais complacente com seu pai, resolvendo colaborar com seus ideais filantrópicos, querendo se harmonizar com Lionel.
Lex2 irritado com a benevolência de seu “eu bom”, se apresenta e resolve se livrar de seu lado “frágil”:
Lex1 – “Quem é você?
Lex2 - Essa é a pergunta na qual luto por anos... a explosão no laboratório me livrou de sua fraqueza, finalmente posso alcançar meu verdadeiro destino...”
Lex2 prende seu lado “bom” em um cômodo da mansão a prova de som, pois teme o que pode acontecer com ele se eliminar sua metade “boa”, deixando-o acorrentado.
Chloe conta para Clark que achou muito suspeita a morte do Dr. Sinclair, principalmente depois de ver Lex saindo de seu quarto. Clark alega que isso é impossível, pois Lex não saiu do seu lado, mostrando o laboratório para ele na hora do óbito do cientista. Chloe resolve averiguar, conseguindo as fitas do circuito interno de tv do hospital, encontrando um Lex com ela na porta do quarto do Dr. Sinclair e outro Lex com Clark saindo do Hospital, chegando a conclusão que são dois “Lexes”.
Dando continuidade a seus atos maléficos, Lex2 beija Lana a força e manda ela decidir se quer viver como uma rainha ao seu lado ou ser despejada do Talon, sem ter para onde ir. Dando continuidade seu ritmo de crueldade, Lex2 suspende seu apoio ao jantar beneficente de seu pai, e ainda o instiga para uma luta de esgrima, atiçando com impiedade a perversidade que ainda poderia existir dentro de seu pai. Lionel se recusa a lutar, mas Lex não lhe dá opção:
Lex- “O que há dentro de você agora, pai? É só beijos e abraços, ou tem mais coisas se revirando em você, pedindo para ser livre?” (Ataca seu pai, cortando-lhe o rosto com o florete.)
Após Chloe mostrar as fotos do circuito interno com os dois “Lexes” para Clark, ele vai até a mansão e confundido com as duas metades do Lex, conta para Lex2 (o mau) a sua descoberta sobre a separação das metades. Lex2 pergunta se mais alguém sabe disso, e Clark fala que foi Chloe quem descobriu tudo. Lex2 marca com Clark e Chloe no laboratório e tenta matá-los jogando sobre eles uma pesada plataforma.
Lex2 vendo Clark sendo capaz de se livrar intacto de sua armadilha, vai procurá-lo no celeiro. Clark reconhece que não é o seu amigo ali na sua frente, e pergunta a Lex2 o que ele fez com Lex. Lex2 diz ser o próprio Lex:
Clark – “Não, você não é ele. O verdadeiro Lex não tentaria me matar ou a Chloe.”
Lex2- Provavelmente está certo, mas ele pensava nisso. Toda vez que se metia nos planos dele e detia suas ambições ele tinha vontade de matar a todos, mas nunca teve coragem...”
Clark – O que é você?
Lex2 – Estava prestes a te fazer a mesma pergunta... Eu derrubei metade do laboratório em você e a srta. Sullivan, E aqui você está.
Clark - Eu tive sorte.
Lex2 - Não seja modesto, Clark. Ambos sabemos que é mais que isso. Tudo faz sentido agora. Naquele dia da ponte quando nos conhecemos, o modo como me salvou com o carro dentro do rio. E todas as milagrosas vezes em que aparecia no lugar certo e no momento certo. Como se possuísse poderes além dos homens mortais. Mentiu para mim por anos, Clark. Mas agora eu sei o seu segredo.
Clark - Não sei do que está falando.
Lex2 - Não sabe? Eu te vi após a explosão. Você levando 500kg de concreto como se fosse nada. Deveria ter descoberto há muito tempo. Todas as peças estavam aqui, mas eu estava cego pela nossa amizade...
Lex2 propõe a Clark se unir a ele, com seu intelecto e a força de Clark ele poderão governar o planeta. Ao Clark se recusar em pactuar com ele, Lex2 ameaça Clark, usando um anel de Kryptonita. Ele viu Clark passando mal no laboratório ao se aproximar dos meteoros, e percebeu que mesmo um superhumano, também tem seu calcanhar de Aquiles. Os pais de Clark chegam e Lex2 atira na perna de Jonathan, como um viso para Clark, caso ele não queira colaborar, fará todos que Clark amam sofrer.
Clark vai até a mansão a procura de Lex e escuta Lex1 gemendo. Ao encontrá-lo e libertá-lo das correntes, Lex2 aparece, jogando Clark longe. Lex1 luta então com Lex2 e Clark aproveita a proximidade dos dois, aquecendo o anel de Kryptonita de Lex2, tornando a pedra de Kryptonita do anel de verde para negra, fazendo a re-união dos dois “Lexes”.
Lex se desculpa com todos, com Lana por ter causado tanto constrangimento e com seu pai. Lana o perdoou, e a situação foi contornada, mas com Lionel, foi irreversível. Lex despertou a fúria de sua verdadeira natureza e trouxe o velho e mau Luthor de volta.
Lex demonstra mais uma vez sua gratidão a Clark , dizendo que Clark provou novamente ser seu verdadeiro amigo:
Clark – “ é pena sua outra metade não achar isso...”
Lex diz não se lembrar do que aconteceu, pois divididos eram duas pessoas diferentes, mas o que ele realmente quer descobrir é:
Lex- “ ... o acidente criou um Lex do Mal ou ele já estava dentro de mim?”
Clark não esqueceu que viveu bons momentos ao lado de Lex, de descontração e amizade, no qual Lex soube dividir com ele os seus conhecimentos e experiências. Foi este o espírito que prevaleceu até então. Mas agora Clark conviveu com o lado adverso de Lex: viu um ser dividido em comportamentos antagônicos. Uma imensa divergência intelectual separa seus objetivos dos objetivos que ele detectou existir dentro de Lex, com ideologias demolidoras. Isso fez Clark se sentir interiormente devastado por grandes angústias e apreensões. Os prognósticos otimistas que Clark tinha em relação a seu amigo se perdiam no vazio, pois ele percebeu que Lex traz dentro de si cicatrizes profundas da dura vida que teve ao lado de Lionel, figura que expressa a mais aguda e cruel face de um ser humano. Lex em seu lado maligno mostrou uma faceta cúmplice da corrupção e deterioramento. Apesar de perceber um imenso mal estar em Lex tumultuando seu coração, é evidentemente as contradições tão profundas que ele vivia, gerando crises íntimas de grande intensidade. Clark travou uma luta com o lado sombrio de Lex por alguns dias, mas Lex trava essa luta diariamente para não ceder a esse lado torpe e vil que o quer arrastar para uma vida que os princípios de Clark condenam.
“... Jamais usem da base de conhecimentos para manipular quem não teve o privilégio de ter uma educação em bons moldes. Considero essa a forma mais perversa de exploração... Só quem é pequeno sente a necessidade de passar por cima dos indefesos. A mediocridade é um dos atributos dos quais vocês não necessitam lançar mão, uma vez que tiveram elementos suficientes para que vocês possam alcançar os objetivos traçados, sem que com isso atropelem vidas, atropelem a decência do próximo...Como Bertolt Brecht diz na peça teatral Leben des Galilei: „Wer die Wahrheit nicht weiß, der ist bloß ein Dummkopf. Aber wer sie weiß und sie eine Lüge nennt, der ist ein Verbrecher.", ou seja, “quem não sabe da verdade é somente um ignorante, mas quem dela souber e a declarar uma mentira, este é um contraventor". Conhecimento é poder; jamais façam mau-uso dele para conseguir vantagens pessoais. A vida lhes dirá que isso só trará a felicidade superficial e momentânea. ( Marco Aurelio Schaumloeffel)

Nenhum comentário:

 

smallville

superman

super homem

clark kent

kansas
krypton