ESCLARECIMENTOS

Este material não fazia parte da realidade do meu momento atual, tornou-se aos poucos um grande sonho, que trouxe para minha vida esclarecimentos e elucidações. Por isso decidi compartilhar com outras pessoas a grande experiência que foi essa viagem a o mundo de Smallville.
Minha principal meta é apresentar um material para que os leitores tirem suas próprias idéias e deduções partindo do meu ponto de vista.
Deixo explicitamente transparente que não me julgo uma grande entendedora dos assuntos específicos de cada episódio. Mas, tenho um enorme encanto e constante interesse por esses temas. Me considero uma curiosa e uma amante insaciável de múltiplas áreas. Quero acrescentar também, que meu conhecimento e credenciais profissionais não abarcam essa gama profunda de assuntos. Para me tornar uma melhor conhecedora, apenas me deixei seduzir com o seriado Smallville e me dediquei a pesquisar cada vez mais um grande número de áreas do saber.
Para iniciar esta obra contei com a ajuda de várias pessoas que me motivaram a seguir em frente, com apoio e, sempre me preenchendo de energia, através do mais nobre dos relacionamentos: O de mestre e aluno.

domingo, 14 de setembro de 2008

Terceira Temporada - Episódio 19

· Episódio “Lembranças” (3.19)
Clark descobre que Lex está participando de experiências no Instituto Summerholt, com Dr. Gardner.
As seções envolvendo testes científicos, começam a apresentar resultados promissores quanto a lembranças espontâneas de sua infância. Mas a meta de Lex é recordar as sete semanas que foram apagadas de sua memória na terapia de eletrochoque, quando atrofiou uma parte de seu cérebro.
Clark ao descobrir os riscos que Lex está se expondo, com Dr. Gardner negligenciado qualquer tipo de zelo com Lex em prol progressos tecnológicos, procura Lionel na tentativa de salvar seu amigo:
Clark – “ Lex está fazendo um experimento perigoso no instituto Summerholt. Está tentando recuperar as memórias que esqueceu. Sr. Luthor, o senhor é o único poderoso bastante para fechar Summerholt.” (3.19)
Lionel surpreende com Clark, mostrando-lhe um vídeo no qual Lex diz saber os segredos de Clark:
Lionel – “ ... você veio aqui com a desculpa de proteger Lex, mas é você que não quer que ele recobre a memória.”
Mas, receoso de Lex recobrar a memória e lembrar sobre a morte de seus pais, Lionel vai falar com seu filho. Na tentativa de persuadir Lex em parar esse tratamento altamente perigoso, alerta-lhe que está arriscando sua saúde em troca de recuperar lembranças perdidas. Em meio a conversa, Lex entra em um estado catatonico, como efeito colateral do tratamento, tendo outros flashes de sua infância. Lex não lhe dá ouvidos.
Lionel procura outros meios de impedi-lo. Alertando Clark que não conseguiu convencer Lex da periculosidade do experimento e por sua mente ser muito frágil, ele corre risco de ficar permanentemente em estado vegetativo.
Clark decide ir até Summerholt para impedir a continuidade das seções de Lex. Ao entrar no laboratório, Clark começa a enfraquecer devido a proximidade com os tanques de provas com Kryptonita líquida. Dr. Gadner se aproveita da situação e prende Clark contra sua vontade,
Dr. Gadner- “ Você sempre se intrigou com minha pesquisa, agora você e terá a oportunidade de ser parte dela...”
Dr. Gardner avisa a Lionel que Clark caiu na armadilha e que vai cumprir com o trato em não dar mais seqüência ao tratamento de Lex, já que terá um projeto muito mais interessante para desenvolver em suas pesquisas.
Lionel vai para o instituto para acompanhar de perto Dr. Gadner, considerando as incertezas usuais associadas a ensaios desta natureza.
Lex ao perceber que suas seções foram canceladas, liga para Lionel, porque sabe que seu pai está por traz disso.
Para forçar Lionel vir falar com ele, diz que o tratamento funcionou e lembrou tudo. Lionel vai a seu encontro, deixando o laboratório onde está Clark.
Submergindo Clark no tanque repleto com o líquido, Dr. Gardner começa a experiência, perguntando a Clark qual a sua origem e qual é sua primeira lembrança. Clark recorda o momento em que foi colocado na nave em Kryptom com seus pais, Lara e Jor-el. Por possuir uma mente diferente dos humanos, Clark não responde as perguntas de Dr. Gadner. Devido ao contato com a Kryptonita líquida começa a ter reação a solução com uma resposta adversa, causando um choque nos equipamentos eletrônicos e uma explosão no laboratório. O prédio sofre um abalo, e Lex vai até o laboratório. Vendo Clark imóvel, Lex quebra o tanque para retirá-lo, quase sem conseguir falar,
Suas únicas palavras são:
Clark – “Lex, me ajude!”
Lex salva sua vida. Após recuperado do abalo, Lex vai visitar Clark:
Lex – “ O que fazia no Summerholt, Clark?
Clark - Tentando salvar meu amigo de cometer um grande erro.
Lex- Essa era sua opinião. Eu disse para não se envolver, mas você persiste. Até envolveu meu pai nisso.
Clark - Acredite, Lex...Ele é a ultima pessoa a quem pediria ajuda, mas não tive outra opção.
Lex- Ele traiu você, Clark. Ele interrompeu minhas sessões oferecendo você como rato de laboratório. Tentei afastar meu pai de você, mas ele está obcecado. Se eu recuperasse aquelas 7 semanas, poderia achar uma forma de detê-lo.
Clark - Talvez sim, Lex. Ou talvez pioraria tudo. Você sempre me disse que não iria ser como seu pai. E eu acreditei de verdade. Mas quanto mais vocês se enfrentam, mais ficam parecidos. E mais pessoas se machucam.
Lex- Eu nunca serei como meu pai. Nunca sacrificarei você ou alguém com quem me importe, só para derrubá-lo.
Após tudo ter acalmado, Martha vai conversar com Clark e ele conta que recordou de sua mãe biológica, Lara.
Clark – “ Quando estava no tanque, vi minha primeira memória. Ela estava me colocando na nave.
Seu único medo era que ninguém me amasse...Por causa de Jor-el, eu sempre achei que meus pais biológicos eram monstros. Mas ela não era. Não acredito que a esqueci.
Martha - Não esqueceu, Clark. Sua primeira palavra foi "Lara". Seu pai e eu nunca descobrimos o que significava.
Agora sabemos.
Clark - Queria que ela conhecesse você. Para ver que grande mãe eu tenho.
Martha - Ela sabe, Clark. Amor de mãe nunca morre.
Para salvar Lex, Clark acaba submetido a uma experiência que o levou a um estado alterado de consciência.
Por um processo que diminuiu a sua frequência cerebral, ele se tornou mais receptivo a essa atividade, e trouxe a tona memórias adormecidas. Trazendo lembranças de quando era bebê, vivenciou seu ultimo momento em seu planeta natal. Nessa cena revive o intenso amor de sua mãe biológica, Lara. Mudando completamente a visão que tinha de seus genitores. Clark sentiu o amor incomensurável de Lara, de seu coração e sua alma.
Após essa vivência intensa com a grande libertação de suas emoções, trouxe do passado imagens que estavam retidas, podendo sentir o amor sem dimensão de Lara.
“Mãe, a saudade agora é a alma do meu corpo e meu universo... Quem amo não morre, apenas dorme e vive em minha memória” (Ana Zanettini)

Nenhum comentário:

 

smallville

superman

super homem

clark kent

kansas
krypton